Book Review #1

Hello everyone! I love to read and unfortunately I don't have a lot of time to do that, but I decided to start sharing with you the books I'm reading and from now on I will talk about what I think about them! The first one is 'That Girl from Nowhere' from Dorothy Koonmson. 
----
Olá a todos! Adoro ler e infelizmente não tenho muito tempo para o fazer, mas decidi começar a partilhar com vocês os livros que estou a ler e a partir de agora vou falar convosco sobre o que achei sobre eles! O primeiro que vos vou falar é um que já saiu em Abril de 2015, eu li-o no verão passado e agora estou a lê-lo novamente para o apresentar no Contrato de Leitura que tenho na escola. O livro chama-se 'Os Muitos Nomes do Amor' e é de Dorothy Koomson. 


This is a really good book in my opinion, it's great for that time when you wanna relax and don't want to think about your life! The story is very good because it's about racism, adoption, family and relationships. If you are looking for a book that is easy to read and has a good story, this one is perfect! I took two days reading it in the summer time, because I was really into the book. I'm gonna leave the synopsis in portuguese in the end, I'm sorry but I didn't find it in english!
----
Este é um livro muito bom na minha opinião, é ótimo para aquelas alturas em que queremos relaxar e não pensar na nossa vida! A história é boa porque fala de temas do dia-a-dia como racismo, a adoção, a família e as relações. Se andam à procura de um livro que seja fácil de ler e tem uma boa história este é perfeito! Não vos quero contar nada da história porque acho que assim não tem piada, mas fiquem a saber que demorei dois dias a lê-lo no verão de tão interessante que achei! Deixo-vos então com a sinopse!
O que é que acharam deste novo post? Eu acho que vou gostar muito de abordar outros assuntos aqui pelo blog! 

"Será possível termos um futuro sem conhecermos o nosso passado?

Clemency Smittson foi adotada em bebé, e a única ligação à mãe biológica é um berço de cartão com borboletas pintadas à mão. Agora adulta, e em constante conflito com sentimentos de perda e rejeição, decide mudar drasticamente de vida e voltar a Brighton, a cidade onde nasceu.
Mas Clem não sonha que é lá que vai encontrar alguém que sabe tudo sobre a sua caixa das borboletas e a verdadeira história dos seus pais biológicos.
E quando percebe que nem tudo é o que parece, e que talvez tenha sido injusta com aqueles que mais a amam, haverá tempo para recuperar o que foi perdido?"

With love, Margarida!